Horário de Lisboa: € Cotação: Euro Hoje

Portugal é o 4º país mais seguro do mundo e o 2º mais pacífico da União Europeia. Um dos principais motivos para a escolha de se viver em um país é, sem dúvida, a segurança. Por isso, a segurança em Portugal tem sido o ponto forte do país para que muitas famílias brasileiras o escolham para viver.

Em 2019 e 2020, Portugal alcançou o 3º lugar na lista de países mais pacíficos do mundo, segundo o Global Peace Index (Índice Global da Paz).

Dessa vez, no ranking de 2021, o país ficou em 4º lugar, o que ainda é louvável. Então, nesse artigo, você verá como Portugal tem se destacado nos últimos anos no quesito segurança.

Melhora da segurança em Portugal nos últimos anos

Em 2014, a segurança em Portugal era considerada pior, pois o país ocupava o 18º lugar no ranking. Essa é uma ótima notícia, pois, em apenas 7 anos, a subida de nível foi grande. Embora Portugal tenha caído um nível – já que estava em 3º lugar nos dois anos passados, passar a ocupar o 4º lugar, entre 163, ainda é excelente.

 

Segurança em Portugal aumentou prioridade em 2020 

Portugal é o 4º país mais seguro do mundo e, ano a ano, tem evoluído no Índice Global da Paz. Isso é um reflexo de um forte investimento na segurança pública e uma grande coordenação de meios entre as várias forças, como a GNR (Guarda Nacional Republicana), a PSP (Polícia de Segurança Pública), o SEF (Serviço de Estrangeiros e Fronteiras) e a Polícia Judiciária.

A GNR, que conta com 23 mil homens e mulheres, recebeu mais 224 novas viaturas em 2020, destinadas às componentes Territorial, Policiamento Comunitário, Trânsito, Intervenção e Investigação Criminal. Na cerimônia de entrega, o Ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, afirmou a importância dos investimentos para o turismo, para captar investimentos e atrair estudantes e cientistas.

Quanto à colocação em 3º no ranking de segurança em Portugal, conquistado em 2020, o Ministro reafirmou: “E é importante recordar que isso foi conseguido num ano tão difícil como este de pandemia, que, em muitos países, contribuiu para o aumento da conflitualidade e para o aumento de algumas formas de criminalidade”

segurança em portugal

Percepção da população sobre a segurança em Portugal

Os portugueses, cada vez mais, têm a percepção de viverem em um país pacífico. Portugal, que tem recebido todos os dias centenas de imigrantes, destaca-se pela aceitação de povos de outras culturas e não sofre com terrorismo, qualidades que justificam o fato de que Portugal é o 4º país mais seguro do mundo.

No que diz respeito à percepção dos brasileiros que vivem em Portugal, a segurança no dia a dia traz uma sensação de liberdade que muitos já não tinham quando moravam no Brasil.

“Nos surpreendemos com a tranquilidade e segurança que temos aqui, o que deveria ser normal em qualquer lugar, mas estamos mal acostumados com uma realidade diferente no Rio. E para nós, isso aqui é o paraíso”, relata Teresinha de Jesus, carioca, aposentada, que vive em Cascais há 2 anos.

Cidades como Rio de Janeiro, que sofrem diariamente com cenas de violência e conflitos internos, levaram o Brasil a ficar em 126º lugar no ranking de 2021. É comum encontrar brasileiros que se mudaram para Portugal por quererem que seus familiares possam apreciar a vida com mais liberdade e segurança.

“Quando cheguei em Portugal, foi logo visível que o país luso proporciona segurança àqueles que vivem ou passeiam por aqui. Policiamento nas ruas, câmeras em locais públicos e um sistema judiciário eficaz, lhe garantem andar nas ruas sem sentir medo. Muitas são as vezes em que volto para casa tarde e reflito sobre o impacto que isso tem em nossa vida. Ter liberdade de ir e vir, ser respeitada por suas diferenças culturais e sentir-se segura. Entender que isso não é nada além do que um direito do cidadão”, conta Bárbara Fernanda Jacobowsky, catarinense que já viveu nos Estados Unidos e atualmente vive em Portugal.

Segurança em Portugal: as 10 cidades mais seguras

A PORDATA trouxe, em abril de 2020 (levantamento mais atual até o momento), a lista das cidades mais seguras de Portugal. Os dados foram medidos pelo número de crimes gerais, tais como assaltos e furtos, que aconteceram nas cidades portuguesas, considerando o estudo a cada 1.000 habitantes.

  • 10º – Alter do Chão (Alentejo)
  • 9º – Oeiras (Grande Lisboa)
  • 8º – Velas (Açores)
  • 7º – Fundão (Castelo Branco)
  • 6º – Caldas da Rainha (Leiria)
  • 5º – Vila Franca de Xira (Grande Lisboa)
  • 4º – Góis (Coimbra)
  • 3º – Alvito (Alentejo)
  • 2º – Seixal (Setúbal)
  • 1º – Torres Novas (Santarém)

Segurança em Portugal continua melhorando, de acordo com o RASI 2020

Além dessa lista do PORDATA, no dia 31 de março de 2021, o Conselho Superior de Segurança Interna de Portugal se reuniu para analisar o Relatório Anual de Segurança Interna (RASI) relativo a 2020. 

Um dos pontos mais importantes do Relatório foi uma queda acentuada em 2020, com relação ao ano anterior, da criminalidade geral e da criminalidade violenta e grave. Em 2020, foram registrados os valores mais baixos de criminalidade desde que o país faz registros nesses moldes, ou seja, desde 2009, sendo mais um ponto que confirma e valoriza que Portugal é o 4º país mais seguro do mundo. 

Sobre a criminalidade geral (tal como violência doméstica, furto em veículos e residências, golpes, direção perigosa), de acordo com a distribuição geográfica, o destaque para a diminuição percentual ficou com os distritos de:

Melhores e piores países no Índice Global da Paz 2021

Nessa edição de 2021, o Índice Global da Paz mostrou que o nível médio de paz global se deteriorou 0,07%, diferente do ranking passado, no qual houve um crescimento de 0,09%. Mas, essa leve deterioração se explica pela pandemia da Covid-19, já que os conflitos e crises mundiais da última década começaram a diminuir.

Os 10 países que ocupam o topo do ranking são:

  • Islândia (na 1º posição desde 2008)
  • Nova Zelândia
  • Dinamarca
  • Portugal
  • Eslovênia
  • Áustria
  • Suíça
  • Irlanda
  • República Checa
  • Canadá 

Dos 10 países que ocupam esse topo, 8 são europeus. Nesta edição, Cingapura deixou de fazer parte dos 10 países mais seguros, sendo substituída pela Irlanda, que melhorou três lugares.

Já entre as nações menos pacíficas do mundo estão:

  • Afeganistão (o menos pacífico do mundo pelo 4º ano consecutivo)
  • Iêmen
  • Síria
  • Sudão do Sul
  • Iraque
  • República Democrática do Congo
  • Somália
  • Rússia
  • Sudão
  • Venezuela 

O que é o Índice Global da Paz que classificou a boa segurança em Portugal

O Índice Global da Paz teve a sua 15ª edição em 2021, classificando 163 estados e territórios independentes de acordo com seu nível de paz, cobrindo 99,7% da população mundial.

Esse índice é produzido pelo pelo Instituto de Economia e Paz (IEP), e é considerado o medidor líder mundial de paz global, por utilizar 23 indicadores quantitativos e qualitativos de fontes respeitadas e reconhecidas. 

A pontuação de cada país é calculada usando três domínios temáticos: nível de segurança e proteção social, extensão do conflito interno e internacional e o grau de militarização de cada nação.

Em sua décima quinta edição, o Índice Global da Paz trouxe, também, uma análise econômica, tendências e formas de desenvolver sociedades pacíficas, e um alerta para as mudanças climáticas que, no futuro, podem interferir no cenário de paz mundial.

O Instituto de Economia e Paz tem sua base em Sidney, na Austrália, e escritórios em mais 5 cidades do mundo. O IEP é independente, não possui fins políticos nem lucrativos, e se dedica a mudar o foco da paz como algo positivo, alcançável, e uma maneira tangível de medir o bem-estar e progresso da humanidade. Para saber mais sobre a pesquisa e o ranking geral, acesse www.visionofhumanity.org

Se ainda estiver na dúvida sobre qual país escolher para morar, tenha a certeza de que, como Portugal é o 4º país mais seguro do mundo, é uma das suas melhores opções para encontrar tranquilidade e qualidade de vida.

Se ainda está com dúvidas sobre Portugal, como conseguir o seu visto ou obter a Nacionalidade Portuguesa, entre em contato conosco.

Por Pri Fortinho

Sou uma brasileira de Santa Catarina, graduada em Publicidade e Propaganda e especializada em redação criativa. Em 2017 me mudei para Portugal com o objetivo de conhecer novas culturas e refinar minha perspectiva sobre o mundo. A mudança de país me apresentou a um estilo de vida mais minimalista e à oportunidade de trabalhar produzindo conteúdo para inspirar as pessoas a buscarem mais qualidade de vida e bem-estar.

Envie sua mensagem! Responderemos assim que possível.

SOBRE NÓS

O portal Nacionalidade Portuguesa é um canal de conteúdo exclusivo e atualizado sobre Portugal.

Para procedimentos jurídicos e administrativos, envolvendo a mudança de país, aquisição da Nacionalidade Portuguesa, vistos de residência, abertura de empresas, ou qualquer outro procedimento necessário no Brasil ou em Portugal, é indicado o escritório Martins & Oliveira Sociedade de Advogados.

A Martins & Oliveira Sociedade de Advogados é um escritório de advocacia especializado em procedimentos envolvendo Brasil e Europa, com atuação em Portugal, Itália e Espanha.

Conheça mais sobre o trabalho no site www.martinseoliveira.com.br.